[05/12/2008] • 3 comentários

Ontem foi uma noite mágica, cheia de sentimentos à flor da pele e muitas recordações!
Para quem esteve na monumental sala do Teatro José Lúcio da Silva certamente que não ficou indiferente à presença "frágil" mas muito doce e meiga de Mafalda Veiga! Alguém que a pouco e pouco foi conquistando o coração de cada um dos presentes na sala e nos presenteou com as canções de sempre! Deixou-nos a todos com um sorriso rasgado e de lágrima no olho...
Uma noite sem dúvida para comemorar e celebrar os momentos que as músicas dela marcaram... E sim recordo de imediato alguns deles...
Para os fãs e apreciadores, claro está!, fica uma daquelas que estará sempre no top Mafalda Veiga:

"Só hoje senti
Que o rumo a seguir
Levava pra longe
Senti que este chão
Já não tinha espaço
Pra tudo o que foge
Não sei o motivo pra ir
Só sei que não posso ficar
Não sei o que vem a seguir
Mas quero procurar
E hoje deixei
De tentar erguer
Os planos de sempre
Aqueles que sãoPra outro amanhã
Que há-de ser diferente
Não quero levar o que dei
Talvez nem sequer o que é meu
É que hoje parece bastar
Um pouco de céu
Só hoje esperei
Já sem desespero
Que a noite caísse
Nenhuma palavra
Foi hoje diferente
Do que já se disse
E há qualquer coisa a nascer
Bem dentro no fundo de mim
E há uma força a vencer
Qualquer outro fim
Não quero levar o que dei
Talvez nem sequer o que é meu
É que hoje parece bastar
Um pouco de céu"

Beijinhos =)

3 comentários:

Neiinha disse...

"Haverá luz sugada no escuro..." um começo cheio de significado.. como cada letra.

Noite de sentires mágicos repleto "daquilo que aumenta o coração"

É sempre tempo de comemorar os vestígios de nós. Aqui.

Rafa disse...

4.35 estrelas...faltou o velho :L

Alx disse...

temos de marcar outro jantar
apetece-me
e pode ser lá em casa
para poder ficar até ao fim
apetece-me
mas avisem-me...

Enviar um comentário