[05/03/2008] • 3 comentários

A pedido de várias famílias (embora só um membro de uma delas se tenha manifestado por escrito) venho então deixar um desafio arrebitado (que querem? gosto da palavra...). Aqui vão as regras:

1. Se lêem, têm de comentar!
2. Se comentam, têm de discordar!
3. Se discordam, têm de justificar!

Resumindo: ler, comentar, discordar, justificar.

A ideia é pôr à prova a vossa capacidade argumentativa e ajudar a desenvolvê-la. Vou dar um exemplo. Imaginamos que "acidentalmente" começo a ler uma das postas. A partir desse momento é tarde: vou ter de comentar, dê por onde der! E ao escrever o meu bitaite, terei de, obrigatoriamente discordar de alguns pontos do artigo principal. Se o autor disser no artigo: "ai, as bananas são tão boas!". Aí, eu vou ter de escrever, por exemplo: "são boas, o tanas! se andasses cinco dias sem te sentar na latrina, nunca dirias isso!" Ou seja, discordo, mas digo porque discordo. Simples.

3 comentários:

Laura Marques disse...

Desculpa, mas discordo. A retórica nao é "Simples" e ponto final. Há muito que é uma disciplina exigente e que poucos conseguem dominar na perfeicao.
Isto, por exemplo, é uma tentativa medianazinha.

Catarina disse...

Primeiro tenho que discordar mesmo que concorde e isto é ser obrigado a ter uma opinião.
Segundo discordo porque é dar asas ao "ser do contra", e há pessoas aí que se ficam nesse estado (olha o Rafa por exemplo) são impossivéis de aturar e vão desenvolver teorias e mais teorias para ver o seu peixe.
Terceiro discordo porque não é bem um desafio, é elevar o lado teimoso e do contra que cada um de nós tem e tenta domá-lo todos os dias.

alx disse...

mas podemos continuar a "postar"?
É que o meu cérebro fervilha... em postas e comentários...

Enviar um comentário