[02/05/2008] • 10 comentários

Pois não. É verdade. Não tenho nem mesa nem mesinha de cabeceira. Problemas de espaço, por um lado. Por outro, porque não é fácil gerir uma mobília de quarto com seis estilos diferentes... -assim muito de repente! E mais uma mesinha de cabeceira seria mais um estilo. Existe uma, mas está dedicada, em exclusivo à mulher cá de casa. E eu nem espreito. Porque se as malas/carteiras, como se diz, são autênticos centros comerciais, então as mesinhas de cabeceira, parecem o Dubai (ehehehe): -basta confirmar com o que a população feminina que escreve neste blogue foi dizendo que lá tinha!!!

De qualquer modo, há uma pequena estante (que decidi comprar para que a Ana aí juntasse os livros que andava a estudar em cada altura em vez de os espalhar pela casa...) da qual me sirvo para colocar o telemóvel todas as noites com o despertador activado. Mas está aos pés da cama. E pronto. Nâo leio antes de me deitar. Quer dizer, leio. Mas leio noutros sítios que não no quarto.

E por falar nisso, neste momeento ando a ler sabem o quê? -D. Quixote! -E sabem aonde? -Aí mesmo, na casa de banho!!! Continuo com este hábito universalmente reconhecido e partilhado...

Ainda não encontrei no mercado nacional, mas sou um potencial cliente...

10 comentários:

Zé Henrique disse...

Quando lancei este desafio ainda pensei fazer a pergunta sobre o que se vai lendo na casa de banho... mas depois fiquei-me pelo quarto! Vou precisar da ajuda de alguém: como sabes, não sou dos mais regulares neste espaço e não sei a quem falta passar a pasta... Haverá voluntários ou terei de nomear?

Alx disse...

terás de nomear e de preferência alguém que ainda não tenha sido... -dá uma vista de olhos e escolhe...

Mariana Marques disse...

Há uns meses fui a casa de uma amiga minha que é de Coimbra e numa das casa-de-banho (se não em todas), encontrei uma caixinha onde estavam BDs. Eles são 4 filhos, contando com ela e achei aquilo muito giro! Ainda por cima com BD brasileira que me acompanhou na infância

Quanto ao papel higiénico literário, quem sabe um dia? Já se lançou em preto, porque não às letras???

Catarina disse...

Porque é que isto anda tão parado???
O que é feito daquele desafio de contar uma história sobre outra pessoa, em quem é que ficou da ultima vez?

Laura Marques disse...

Siiim, é a tua vez, Rita! :)

Catarina disse...

eu acho que a rita já escreveu... não era a vez da fabi ????
Se a fabi não anda por cá podemos nomear outra pessoa...que acham?

Laura Marques disse...

sim, era a fabi... ah, que memória...
alguém disse algo à fabi?

Carlita* disse...

Sim era a Fabi, mas ela tem andado desaparecida... Será que a Rita podia contar outra história e "passar" o dado a outra pessoa ou alguém se voluntaria a contar outra história? =)

Rafa disse...

BD brasileira?? isso só podia ser Cebolinha, Cascão, Mónica, Chico Bento, Magali!!! É genial!!
já se pode criar o gang das pessoas que lêm na casa de banho :)
...com tanto tempo que se lá passa, porque não aproveita-lo a fazer algo interessante?

verita disse...

A minha mãe comprou uma estante para o wc para por os livros, porque nós cá em casa tinhamos o hábito de os levar e deixa-los em cima do autocolismo. Um dia alguém pos lá o tetris que escorregou pra dentro da sanita. Já foi à muito tempo mas ler e jogar tetris era o meu passatempo preferido no wc. Ninguém incomoda!!!

Enviar um comentário