[14/04/2008] • 6 comentários


de seu nome João Manuel Serra. (Cfr.) E desculpa Mariana por não respeitar um conjunto de "normas" do teu desafio. Mas à medida que a semana passou, e passou sem net cá em casa (um atrofio: é estranho como a ausência de uma máquina e de um meio de comunicação nos desliga do mundo...), e ía pensando no teu desafio das várias pessoas que me lembrei (que eu tenha tirado fotos e que não tenha a certeza que não voltarei a ver... ai, ai ai, era difícil escolher...) esta mereceu o meu destaque.
Sublinho que a foto não é minha e que não conheço pessoalmente o senhor. Mas quem precisa de o conhecer? Noite após noite ali está ele no Saldanha a acenar (a dizer olá e não adeus, como ele próprio gosta de afirmar) aos transeuntes: a oferecer um pouco do que não tem!? Não sei. Sei que as vezes que o vi me aguçou a curiosidade e me aumentou a boa disposição. Ali estava uma pessoa que estava a fazer falta estar ali e, ao estar, completava perfeitamente a sua função: transmitia alegria!!!
Não é um mito urbano da cidade de Lisboa, antes, é quase, senão já, uma lenda. Experimentem escrever no google "senho que acena no saldanha" e deliciem-se com as entradas...

6 comentários:

Laura Marques disse...

Antes de o ver na rua vi-o no cinema...Há um documentário sobre o João Manuel Serra, que foi exibido no Panorama 2005/2006, não me lembro bem.
Primeiro ainda pus a hipótese de ser ficcao, mas qual não foi a minha surpresa quando o encontrei algumas semanas mais tarde no Saldanha?

Ostógio disse...

passo todos os dias pelo saldnha e nunca o vi...tenho de estar mais atento!!

Mariana Marques disse...

Por acaso também nunca o vi desde que estou cá em Lisboa :S...

Mas ele tem uma altura especifica durante o dia em que acena? Tipo, só de tarde ou só de noite? Ou passará o dia inteiro de "plantão" no Saldanha a acenar?

verita disse...

lol! Olhem enquanto morei no saldanha, já lá vão uns anos nunca o vi. Mas no outro dia passei por lá à noite e vi-o! Eu vi-o!!! :)Passem lá de noite

Ostógio disse...

lol..á noite, eu á noite ando apé e é direitinho pó metro...aaaala!!

Andreiita disse...

Na preparação do EDSEBS pude ler algures num caderno que estava pela sede um poema que dizia "tens duas pernas e nao conheces a gente da tua rua"eis um bom desafio...ser um "homem do saldanha" pelas nossas ruas... No dito fim de semana do encontro atrevemo-nos a ser uma especie de "homem do saldanha", ofereciamos às pessoas da vila os "bons dias", sorrisos e uma prendinha em jeito de pequeno tesouro, tudo numa alegria que me deixou a marca de uma experiencia que amei viver!

Marianinha, adorei a tua escolha!
Estou ansiosa pelo teu desafio Joaninha! * =)

Enviar um comentário